Aedson Cunha declara voto em Josa da Padaria para prefeito de Guarabira

fevereiro 13, 2015
42 Visualizações
Aedson Cunha e Josa da Padaria abraçados

Aedson Cunha e Josa da Padaria abraçados

O ex-vereador Aedson Guedes Cunha se encontrou nesta quinta-feira (12) com o ex-prefeito de Guarabira, Josa da Padaria, por ocasião dos festejos pré-carnavalescos no bloco dos Priziacas, no Bar de Neco Rato, e conversaram longamente sobre a cena política atual na cidade e Aedson assegurou que votará em Josa da Padaria para prefeito, em caso de candidatura sem apoio de Paulino ou Toscano.

“Somente Josa da Padaria é capaz de derrubar os dois grupos políticos que governam Guarabira há 40 anos. Eu conheço Josa de muito tempo, sei de suas pretensões e se ele for candidato a prefeito de Guarabira sem o apoio de Paulino ou de Toscano eu irei às ruas pedir votos aos meus amigos para eleger Josa da Padaria, porque ninguém aguenta mais esses dois grupos se revezando no poder”, disse Cunha.

Josa agradeceu o desprendimento de Aedson e disse que muito em breve estará deixando os quadros do PMDB e se filiando a uma legenda que esteja na base aliada ao governador Ricardo Coutinho (PSB).

Aedson e Josa foram colegas de parlamento por três mandatos na Câmara de Guarabira e em que pesa militarem em lados opostos, os dois sempre fizeram questão de manter o respeito e nunca deixaram as divergências políticas interferir na relação pessoal.

 

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Policial
0 shares102 views

Botija: operação da Polícia Federal encontra 200 kg de drogas enterradas

Jota Alves - mar 27, 2017

Em Caldas Brandão, o caseiro do imóvel onde as drogas estavam enterradas foi preso em flagrante

Estado paga salários do mês de março ainda essa semana
Notícias
0 shares311 views
Notícias
0 shares311 views

Estado paga salários do mês de março ainda essa semana

Jota Alves - mar 27, 2017

Na próxima quinta-feira, 30, receberão os servidores inativos

Ministro pede para marcar julgamento da ação sobre chapa Dilma-Temer
Política
0 shares109 views
Política
0 shares109 views

Ministro pede para marcar julgamento da ação sobre chapa Dilma-Temer

Jota Alves - mar 27, 2017

Herman Benjamin deu 48 horas para o Ministério Público se manifestar; na última sexta (24), defesas de PT, PMDB e PSDB apresentaram alegações finais

Leave a Comment

Your email address will not be published.